Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Como recuperar a massa muscular perdida?

Por que o câncer causa perda de massa muscular?

A perda da massa muscular no câncer é bastante comum mesmo em pessoas com obesidade.1

Causas:1

  • Aumento do metabolismo;

  • Menor ingestão de alimentos;

  • Menor absorção de nutrientes;

  • Efeitos colaterais do tratamento;

  • Inflamação geral do corpo.

Consequências da perda de massa muscular 1,2

  • Enfraquecimento do sistema imunológico

  • Cansaço e dificuldade na realização das tarefas diárias

  • Necessidade de diminuir a dose de medicamentos na terapia

  • Menor resposta ao tratamento

  • Como recuperar a
    massa muscular perdida após tratamento?

  • Recuperar a massa muscular perdida é um processo demorado, mas fundamental. Estudos mostram que com o tratamento nutricional assertivo, é possível reconstruir o tecido muscular perdido. 1, 3-5

Confira 3 passos importantes para recuperar a massa muscular:

  • 1º passo

    Atente-se principalmente à quantidade de proteínas da dieta, pois a proteína é o principal nutriente para a construção da massa muscular. 6,7

  • 2º passo

    Pratique atividades físicas: Para que a terapia nutricional seja eficiente na recuperação da massa muscular e ganho de força, é importante que o paciente com câncer, em conjunto com a terapia nutricional, pratique exercícios físicos de forma regular. 9,10

  • 3º passo

    Inclua suplementos nutricionais com a orientação de um profissional para garantir a ingestão adequada de proteínas, além de outros nutrientes importantes como as vitaminas e os minerais que participam do metabolismo e da reconstrução muscular. 6,8

Referências bibliográficas

  • 1.Avante Nestlé. Toxicidade na quimioterapia e a relação com a massa muscular. Nestlé Health Science, 11 de dezembro de 2020.

  • 2.Martin A, Freyssenet D. Phenotypic features of cancer cachexia-related loss of skeletal muscle mass and function: lessons from human and animal studies. J Cachexia Sarcopenia Muscle. 2021;12(2):252-73.

  • 3.Avante Nestlé. Como relacionar a tríade: metabolismo do câncer, nutrição e intervenção precoce? Nestlé Health Science, 23 de junho de 2021.

  • 4.Avante Nestlé. Importância da imunonutrição durante a quimioterapia e/ou radioterapia. Nestlé Health Science, 11 de setembro de 2020.

  • 5.Irala, Clarissa Hoffman. Nutrição em Oncologia. In: Diretrizes Oncológicas. 2ª edição, 2018.

  • 6.Gangadharan A, et al. Protein calorie malnutrition, nutritional intervention and personalized cancer care. Oncotarget. 2017;8(14):24009-30.

  • 7.Gutiérrez S, et al. Effects of Omega-3 Fatty Acids on Immune Cells. Int J Mol Sci. 2019;20(20):5028.

  • 8.Rivadeneira DE, et al. Nutritional support of the cancer patient. CA Cancer J Clin. 1998;48(2):69-80.

  • 9.Lima, Filipe Dinato de. Atividade Física e Câncer. In: Diretrizes Oncológicas. 2ª edição, 2018.

  • 10.Kiss N, et al. Clinical Oncology Society of Australia: Position statement on cancer-related malnutrition and sarcopenia. Nutr Diet. 2020;77(4):416-25.

NHS000801

Subir